Mayana Zatz explica a sua pesquisa com cães distróficos

Entrevista em vídeo, realizada em 2015, com a geneticista Dra. Mayana Zatz, coordenadora do Centro de Pesquisa sobre o Genoma Humano e Células-Tronco, da USP, onde ela fala sobre o que é distrofia muscular de Duchenne e sobre a pesquisa dela com cães portadores de DMD.

Nessa pesquisa (Jagged 1 Rescues the Duchenne Muscular Dystrophy Phenotype), publicada na revista científica Cell, em 12 de novembro de 2015, foi comprovado que, incrivelmente, é possível haver músculo grande e funcional mesmo sem a presença da proteína distrofina nele, sabendo-se que é justamente a ausência desta proteína a responsável pela distrofia muscular de Duchenne.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *