Braço robótico para acessibilidade de portador de Duchenne

Pesquisadores vinculados à universidade holandesa TU Delft e ao grupo de tecnologia para DMD holandês Flextension (ligado ao Duchenne Parent Project da Holanda) estão, desde 2011, em processo de desenvolvimento do dispositivo de acessibilidade A-Gear, que se trata de um braço robótico para dar suporte às atividades diárias de portadores de distrofia muscular de Duchenne.

O primeiro protótipo é um aparelho discretamente atado ao corpo e que pode ser usado sob a roupa, auxiliando no uso independente do braço do portador de DMD e, consequentemente, aumentando a ‘força’ e o desempenho dos braços nas tarefas e ações cotidianas mais importantes.

O vídeo aí embaixo mostra o A-Gear em funcionamento com um portador de distrofia de Duchenne.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *